Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




As favas estavam mal contadas.

por António Canavarro, em 09.11.16

Se há um povo que sou incapaz de o compreender é o norte-americano. Não o escrevo isto para justificar a minha surpresa e, admito, tristeza com a vitória de Donald Trump. Até porque a maioria dos dirigentes republicanos não se revêm na forma insólita - digamos assim - como magnata construi o seu percurso de vida. Porque tenho a esperança que o "natural" realismo que caracteriza os republicanos sirva de travão às loucuras do futuro presidente.

Por outro lado, e numa perspectiva mais local, ou seja, europeia, espero que este resultado seja a alavanca que há muito - diria desde de sempre - falta na construção europeia: de uma vez por todas seremos os senhores do leme, já que o mundo deixou de ser o que era. E nesse mundo andávamos invariavelmente a reboque de Washington! 

Há, finalmente, um dado que me torna um pouco contente com o resultado: a derrota da Senhora Clinton. Se é certo que (caso eu se eu fosse americano) teria votado nela, era um mal menor, eu nunca gostei dela. Era mais do mesmo. E os americanos provaram isso ao optarem por Trump em vez dela. E se o candidato democrata fosse também ele marcado pela rotura sistémica, como Bernie Sanders, será que Trump teria alguma hipótese? 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:52


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.




Bloggers convidados

António Canavarro

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Links

Blogs e Jornais que sigo

  •