Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Eu quero um “dicionário de Política-Português”,

por António Canavarro, em 28.05.14

 

 

 

Há coisas que se lêem, que o cidadão anónimo não compreende, e, que no entanto faz parte da forma peculiar da linguagem dos políticos. Hoje, Alberto Martins, líder da bancada parlamentar socialista, veio ao terreiro criticar António Costa e seus partidários pela tentativa de virem a tomar conta do poder no Largo do Rato, porque, segundo ele, António José Seguro, “que tem uma autoridade absoluta para dirigir o PS"! Legitimidade que segundo ele “ foi reforçada em eleições, depois da maior derrota histórica da direita".

A maior derrota da direita? É verdade que a Aliança Portugal perdeu. E já agora que vitória teve o PS? Se os socialistas tivessem ganho algo de jeito – como aconteceu com a CDU e o PMT (a grande surpresa eleitoral), António Costa não teria legitimidade alguma para exigir o quer que seja e estas capas e análises não teriam sentido algum. Aliás, se há alguém que se anda a rir com estas trapalhadas, são seguramente os coitados da direita. Porque com “anedotas políticas” já deverão ter esquecido que averbaram a “maior derrota histórica da direita”!

 

Portanto, e em conclusão: haja tento a língua ou caso contrário ofereçam-me um “dicionário de Política-Português”, para ver se não ando às aranhas!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:19

Foi aberta a Caixa de Pandora. Os jornais vão agora começar a apresentar António Costa como primeiro-Ministro sombra, quando em 2015 formos a eleições legislativas, já a comunicação social tratou de criar um novo primeiro-Ministro nas ideias dos portugueses. 

As redacções já elegeram o António Costa até para primeiro-Ministro. Neste país a vida tem de imitar a arte, custe o que custar. A realidade é que tem de se subjugar ao wishful thinking dos opinion makers, se não se submeter, o pior é para a realidade.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:25

O elogio da cidadania

por António Canavarro, em 28.05.14

 

Vivendo fora de Lisboa desconhecia que tinham decidido homenagear, pelo que fez para bem do próximo e da comunidade, Maria José Nogueira Pinto. Com a inauguração de um memorial da autoria de Rui Sanches, a Cidade de Lisboa homenageia uma ilustre cidadã, que a troco de nada se empenhou pelo bem de todos. É o elogio da cidadania

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:57

Todos para o Largo do Rato

por António Canavarro, em 27.05.14

 

Até porque estava escrito nas entrelinhas!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:50

Lá vem ele... o anti-cristo

por Maria Teixeira Alves, em 27.05.14

 

António Costa "naturalmente disponível" para liderar PS

 

Lá vem ele... o AC, de Anti-Cristo!

 

Reina uma alegria nas redacções...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:00

Estamos doentes

por António Canavarro, em 27.05.14

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:26

À boleia de Marinho

por António Canavarro, em 27.05.14

 

Até domingo ninguém (ou pouca gente) sabia quem era José Inácio Faria. Hoje, e à boleia de Marinho e Pinto, ele é mais um ilustre eurodeputado.

Porém, e numa perspectiva mais séria é importante que os especialistas - incluindo os partidos políticos - compreendam este fenómeno, pois estou convencido que, desde domingo, 40 anos depois de Abril, a democracia portuguesa ganhou um novo fôlego e novos rumos...

Naturalmente, entre os comentadores políticos (quase sempre próximos aos partidos do poder), há tentação de ver neste fenómeno elementos de populismo. Talvez existam. No entanto, é preciso tirar-se o chapéu: ao próprio que foi capaz de trilhar o seu caminho, e ao Movimento Partido da Terra que vi nele um imenso filão. A democracia também é isto! Porém, é bom recordar (mas a memória é quase sempre demasiado curta) que foi por fenómenos assim que a Europa passou o que passou!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:15

Encontrado por ai

por António Canavarro, em 26.05.14

 

Ele vai dar a volta ao país

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:20

A sina

por António Canavarro, em 26.05.14

 

De vitória em vitória até à derrota final. Eis a sina do Bloco de Esquerda!

 

Porque a fazer fé nisto, até o Livre (em legislativas) comerá os bloquistas!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:39

Um aviso à navegação

por António Canavarro, em 26.05.14

O que dizer dos resultados das eleições europeias de ontem? Assustados com a capa do Le Figaro? Eu nem tanto. Se a capa fosse, por exemplo, um jornal grego que seguramente destacaria o excelente resultado da extrema-esquerda helénica, teria tido a mesma reacção. Porém, fico bem mais preocupado com os índices de participação eleitoral, o que todavia já esperava! De facto, o que me assusta mesmo é que, perante isto, os partidos democráticos europeus, os do arco governativo e, portanto, europeístas não consigam ler nas entrelinhas. Se o fizerem, isto até pode ter sido um bom resultado: é como um aviso à navegação!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:15




Bloggers convidados

António Canavarro

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D




Links

Blogs e Jornais que sigo

  •