Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Questão de números

por António Canavarro, em 23.04.11

Perante a realidade sangrenta que é a estrada portuguesa, onde nesta Páscoa já registaram inúmeros acidentes com feridos (muitos em estado grave) e mortes a lamentar, chego à conclusão que entre estes números e os números da última sondagem não há grandes diferenças. Reflectem a estupidez, o masoquismo e a irresponsabilidade que nos caracteriza.  

 

 

 

 

publicado às 22:04

Coelho da Páscoa

por António Canavarro, em 23.04.11

publicado às 00:02

Farta de hipocrisia

por Maria Teixeira Alves, em 22.04.11

1 - Acabei de perder um "amigo" do Facebook. Isto porque ele pôs um post a "gozar" com a mulher de Pedro Passos Coelho. Ao que eu perguntei se ele preferia que no lugar dela lá estivesse um homem. Obviamente deu-me a resposta previsível, mais ou menos isto: "Cada um dorme com quem quiser". Apercebendo-me que se orgulhava desta sua suposta superioridade moral. Indignei-me e perguntei-lhe " A sério?! É que acabas de embirrar com a mulher de Passos Coelho, se lá estivesse um homem ou uma ovelha já não gozarias, porque aí entra a tolerância pela 'vida privada de cada um'. Fazes-me lembrar uma amiga minha, que é a favor do casamento gay, e uma vez numa conversa sobre um casal de namorados que ia casar, ela disse-me EU SOU CONTRA O CASAMENTO. Ao que eu respondi, ÉS CONTRA, EXCEPTO SE FOR GAY, QUE ÉS A FAVOR. Acordem arautos da tolerância incoerente! " E zás ele apagou-me do Facebook. Aí está um exemplo de tolerância.

 

2- O país de Sócrates é um país provinciano, que tem da modernidade uma ideia absolutamente fútil.Sócrates é, como a maioria das elites deste país, FÚTIL. Sócrates imaginou um país high-tech, imaginou um país cheio de auto-estradas e comboios modernos, uma cidade do futuro ao nível do melhor filme de ficção cientifica; sem casamentos; sem amor; sem fé; sem vida. Cheio de jogging, sushi, vida cosmopolita, individualismo, uniões gays. Isto é o país de Sócrates.

Mas depois esqueceu-se de dar o básico: os portugueses estavam em vias de ter um TGV, mas continuam sem ter acesso a DENTISTAS. Sabem que o serviço nacional de saúde não tem dentistas? Os portugueses podem ter o TGV, mas estamos ao nível da idade média na medicina dentária que devia ser tão gratuita como o resto. Os portugueses fazem jogging com Ipod´s nos ouvidos, mas estão sem dentes, ou com os dentes estragados porque é caríssimo ir ao dentista. Os portugueses têm muitas auto-estradas e quase tiveram o TGV mas ninguém tem dinheiro para sair de casa dos pais. Não se consegue viver neste país com 500 e 600 euros por mês. Muita gente, licenciados, chegam aos 40 e não ganham mais de 1000 euros.

Percebem porque é que eu acho isto um absurdo?

 

Também publicado no Corta-Fitas

publicado às 11:54

INCONGRUENTES

por Maria Teixeira Alves, em 22.04.11

Não consigo perceber como é que as pessoas há umas semanas festejavam a demissão do Sócrates e agora já dizem que vão votar nele...

publicado às 02:28

A PARTILHA

por António Canavarro, em 21.04.11

O que eu gosto mais na Quinta-feira Santa é a ideia de partilha à qual a Última Ceia incita. No entanto, o Homem não consegue / não quer corresponder, transportando-a para a "sua mesa do dia-a-dia". É uma prova de amor, sem igual!

 

 

publicado às 16:41

Será que ainda estou a dormir?

por António Canavarro, em 21.04.11

Isto parece mentira! Se calhar ainda estou a dormir e ninguém me acordou. Se não é assim, pelo menos é o que parece depois de ter lido que Otelo Saraiva de Carvalho afirmou,  em entrevista ao Jornal de Negócios, que "o país precisava hoje de um homem com a inteligência e a honestidade de Salazar."

 

 

Ouviu bem? Salazar, onde estás tu?

publicado às 11:59

com boa mioleira

por António Canavarro, em 21.04.11

Em Portugal ainda há gente com miolos, como veemos neste comentário á sondagem da marktest: "Vão votar no Pinóquio nacional, NOVAMENTE!!! Aiiiiiii este país está perdido.  Têm a cabeça só para enfeitar..."

publicado às 11:44

A taxa de estupidez

por António Canavarro, em 21.04.11

Segundo a sondagem da marktst para a TSF e para o Económico, em Portugal, a taxa de estupidez ronda os 38%!


 

 

 

 

publicado às 09:40

O elogio da estupidez

por Maria Teixeira Alves, em 20.04.11

 

A propósito das eleições que aí vêm, e da evolução que o PS de Sócrates (que nos levou à bancarrota) tem tido nas sondagens:

 

 

publicado às 21:27

A culpa

por Maria Teixeira Alves, em 17.04.11

Neste Domingo de Ramos, ocorreu-me que a culpa move o mundo. A culpa, não o remorso. A culpa é mais que remorsos, é um sentido de fraqueza, de incerteza. A culpa é a nossa incapacidade de amar incondicionalmente em conflito com a nossa ânsia de amor.

publicado às 18:42




Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D




Links

Blogs e Jornais que sigo

  •